Montezemolo esquece Massa em piada politica

Como se sabe, tem sido ventilada ha algum tempo nos bastidores políticos da Itália a possibilidade de Luca di Montezemolo, atual presidente da Ferrari, sair candidato a presidência do pais. Perguntado pelo tradicional jornal La Gazzetta dello Sport sobre essa possibilidade, ele respondeu em tom bem humorado: “Eu na politica? Sim, com o Alonso como primeiro ministro”.
“Eu o escolheria porque ele tem personalidade forte, é otimista e ao mesmo tempo realista”
Montezemolo então prosseguiu na criação de seu gabinete ficcional, indicando quem mais nomearia como ministros:
“Vettel, que é esperto e rápido, Rosberg por conseguir segurar Schumacher, Perez pelo seu talento e Hamilton, um grande campeão”.
Estranhamente o todo poderoso da fabrica italiana sequer mencionou o nome de Felipe Massa, mas se lembrou de citar até grandes nomes do passado: “Lauda, que sempre consegue não pagar nada, nem um drink, Schumacher que nunca desiste e Senna que antes de morrer me disse que gostaria de ganhar um campeonato com a Ferrari”.
Após a piada, ele falou sobre o decepcionante inicio de ano da Ferrari e que espera a reação da equipe: “Eu espero alguma melhora (para o GP da China), mas não é realista imaginar que reverteremos nossa situação em apenas uma semana.”
Anúncios
Esse post foi publicado em Felipe Massa, Fernando Alonso, Ferrari, Luca di Montezemolo. Bookmark o link permanente.

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s