GP da Alemanha – Classificação e análise

Esse é o resultado do treino de classificação do Grande Prêmio da Alemanha de Formula que largará amanhã ás 9:00hs da matina, com transmissão da TV Globo e comentários meus no Twitter. Abaixo da tabela segue minha sucinta análise do treino de hoje:

Pos. PILOTO Equipe Tempo Voltas
1. Mark Webber Red Bull 01:30.079 18
2. Lewis Hamilton McLaren 01:30.134 15
3. Sebastian Vettel Red Bull 01:30.216 16
4. Fernando Alonso Ferrari 01:30.442 16
5. Felipe Massa Ferrari 01:30.910 19
6. Nico Rosberg Mercedes 01:31.263 22
7. Jenson Button McLaren 01:31.288 14
8. Adrian Sutil Force Índia 01:32.010 18
9. Vitaly Petrov Renault 01:32.187 16
10. Michael Schumacher Mercedes 01:32.482 18
11. Nick Heidfeld Renault 01:32.215 16
12. Paul di Resta Force Índia 01:32.560 15
13. Pastor Maldonado Williams 01:32.635 13
14. Rubens Barrichello Williams 01:33.043 18
15. Sergio Perez Sauber 01:33.176 14
16. Sebastien Buemi Toro Rosso 01:33.546 11
17. Jaime Alguersuari Toro Rosso 01:33.698 11
18. Kamui Kobayashi Sauber 01:33.786 5
19. Heikki Kovalainen Team Lotus 01:35.599 9
20. Timo Glock Virgin 01:36.400 12
21. Karun Chandhok Team Lotus 01:36.422 11
22. Jerome d` Ambrosio Virgin 01:36.641 12
23. Vitantonio Liuzzi HRT 01:37.011 11
24. Daniel Ricciardo HRT 01:37.036 11

Quanto à classificação em sí, fica a impressão que ao menos em volta lançada A McLaren (ou seria Hamilton?) se juntou à Red Bull e Ferrari na disputa das melhores colocações… Mas temos que ver em ritmo de corrida, onde não foram grande coisa em Silverstone. Tirando isso nenhuma grande surpresa: Nas 10 primeiras posições temos as 4 melhores equipes com uma Renault e uma Force Índia se metendo entre eles, bom pra Sutil.

Daí pra trás confirma-se o que havia palpitado no programa dessa semana: Williams e Sauber saíram perdendo com a volta dos escapamentos sopradores/mapeamento dos motores. Toro Rosso também não ganhou nada. Aliás, nesse sentido a Sauber deu-se especialmente mal e a Williams chegou ao absurdo de “descobrir” que o carro de Barrichello está 10 quilos mais pesado do que eles queriam, obrigando-o a arriscar-se na classificação e corrida de amanhã sem o KERS para ver se melhora o precário equilíbrio do carro, ainda que isso lhe custe nas disputas de posições e nos tempos de volta (afinal, são 80 cavalos a menos).

No fundão de Lotus, Virgin e Hispânia (agora rebatizada de HRT), mais do mesmo, sem surpresas.

Para a corrida é esperada a chuva. A previsão de tempo da Ferrari fala em 99% de chances disso ocorrer. Vamos ver. Se chover e a FIA não ficar com aquelas palhaçadas de colocar o safety-car na largada ou por qualquer coisa, a corrida deve ficar bem divertida e até quem não é favorito pode beliscar um bom resultado.

Esse post foi publicado em análise, classificação, GP da Alemanha, Nurburgring, resultados. Bookmark o link permanente.

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s