14 anos da 1º vitória de Barrichello

Barrichello2000RubensExatamente no dia de hoje mas 14 anos atrás, Rubens Barrichello vencia sua primeira corrida na Fórmula 1 num chuvoso GP da Alemanha em 2000, ano de sua estréia na equipe Ferrari e após 4 anos de Jordan e 3 de Stewart.

Curta a página do BLOG no FACEBOOK clicando AQUI e siga-me no Twitter: @inacioF1

Largando num distante 18º lugar e aliando sorte (um padre louco invadiu a pista causando a entrada do safety-car) à talento (arriscou a ficar na pista com pneus slick mesmo com grande parte da pista sob chuva), ele conseguiu escalar todas as posições necessárias até o topo do pódio, onde celebrou com choro e sambadinha seu primeiro de 11 triunfos na categoria – embora ele tenha 12 troféus de 1º lugar, pois ficou com aquele do polêmico GP da Áustria de 2002.

Por enquanto, Barrichello também segue sendo o último brasileiro a vencer na categoria, em 2009 na pista de Monza. Veja abaixo um vídeo de sua primeira vitória com a narração de Galvão Bueno:

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

9 respostas para 14 anos da 1º vitória de Barrichello

  1. Mamão disse:

    Não foi um padre. Isso foi em SIlverstone. Nesse caso foi um funcionário demitido da Mercedes.

  2. Andre disse:

    sensacional!

  3. Anônimo disse:

    parabéns Rubinho!!! pena que a falta de patrocínio te tirou da F1, pois éis 10 vezes melhor do que 95% do grid atual…

  4. Anônimo disse:

    Que saudade do Rubinho… Piloto não reconhecido no Brasil mas valorizado no exterior, só não foi adiante por questões contratuais e porque o alemão era melhor, mas ainda sim, Rubinho empolgava até quem o esculachava. Já o Massa, é um piloto fraco, limitado e em fim de carreira. .

  5. Anônimo disse:

    Podem dizer oq quiserem do Rubinho, mas eu sou fã desse cara, faz muita falta a F1 deixar de ter um piloto igual a ele. Saudades de ver ele correr em na F1.

  6. Luiz Jorge Dias disse:

    Rubinho foi e é o melhor brasileiro na F1 depois de Senna. Mesmo o cara reclamando em diversas vezes, os pilotos da época reconheciam nele um grande potencial, bem como a imprensa internacional. O mito “Senna” da mídia brasileira acabou por ofuscá-lo, bem como a sombra gigantesca de uma equipe que funcionava quase que para um piloto só por mais de 05 anos. Mas, além de ser bom e consistente, o Rubinho passava uma imagem bem descontraída, semblante com sorriso aberto e sempre disposto a crescer e viver. Um exemplo de piloto e um ser humano que parece ser bem bacana. Por outro lado, o Massa, bom, passa…

  7. Anônimo disse:

    E em 13/09/14 já está pra completar 5 anos da saudosa última vitória na F1.

  8. Fernando disse:

    alguem sabe onde consigo ver essa corrida inteira?
    pode me enviar link?
    fmconte@gmail.com
    obrigado

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s