Mercedes analisa suas rivais

merc1A equipe Mercedes, além de estudar os próprios tempos do seu W06, também analisou atentamente os tempos de voltas e evolução das equipes para diagnosticar qual a distância dela para as rivais na pista.

Curta a página do BLOG no FACEBOOK clicando AQUI e siga-me no Twitter: @inacioF1

Em uma interessantíssima matéria da revista alemã Auto Motor und Sport, o chefe do grupo de estratégia da equipe prateada James Vowles contou que eles sabem quase tanto sobre as rivais como sobre ela mesma, graças à fotografias detalhadas tiradas dos carros rivais e discutidas em reuniões diárias, bem como uma detalhada e precisa análise dos tempos de voltas dos outros carros, mas é claro que a recíproca é verdadeira, com as equipes concorrentes também com uma retrato bem preciso do estágio de desenvolvimento dos atuais campeões. Em outras palavras, todas as equipes já sabem com bastante segurança onde estão em relação às rivais.

E agora vamos ao que interessa: quais as conclusões que chegou Vowles sobre a distribuição de forças de cada equipe do atual grid ao final da pré-temporada? Segundo a análise interna das Flechas de Prata, eles estão 0,8s à frente da concorrência, seguidos por Ferrari, Red Bull e Williams, todas numa renhida batalha no mesmo décimo. Aliás, a equipe italiana, pelas contas deles, foi a que mais ganhou terreno com o carro novo, descontando 1,1s da desvantagem de 1,9s que tinham em 2014.

Depois dessa trinca, conclui o analista, há uma lacuna e só então surge o pelotão de Lotus, Toro Rosso, Sauber, e por fim Force Índia. Agora resta ver se ele acertou sua previsão e se até o GP da Austrália alguém não vem com mais alguma novidade para se aproximar mais um pouco dos prateados.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

26 respostas para Mercedes analisa suas rivais

  1. Anônimo disse:

    Ele esqueceu a McLaren? Eu li bem?

  2. Anônimo disse:

    A Mclaren tá tão ruim, que nem se preocuparam com ela KKK

  3. Objetivo da Mclaren esse ano é terminar corridas…

  4. Felipe Gislon disse:

    José você consegue fazer um detalhamento de tempo por setores de cada equipe durante uma volta? será que não eles não apertam em no primeiro setor e tire o pé nos outros dois e depois aperna só no segundo e tira o pé novamente, assim descobrimos o verdadeira tempo de volta? ou você acha que isso não acontece?

  5. Anônimo disse:

    Ferrari e Redbull ??? Williams quarta força ??? Não sou esses fãs meia boca, mas a Williams é de fato a 2° força.

  6. Nosso Assunto disse:

    Red Bull mal anda, todo dia acham um problema novo no carro. Ferrari e Williams podem até estar brigando como segunda força, mas a Williams definitivamente tem vantagem.

    • Marcell disse:

      Com certeza a Williams é a segunda força… Inclusive pelos fatores do motor Mercedes ainda ser a melhor unidade de força, e esse carro ser uma evolução do bom FW36 do (Modelo do ano passado!)

    • José Inácio disse:

      Fico com a impressão que a Red Bull não tentou acelerar tudo.

      • Zé Queiroz disse:

        Boa noite turma! José, sabe dizer se a RBR continua a mais rápida nas curvas? Não tive a oportunidade de observar esse ano, nem por vídeos, muito menos in loco, mas a grande maioria está afirmando que o chassi energético é o mais refinado, que gera maior carga aerodinâmica, como ano passado.. Sabe dizer se isso procede? Ou é só admiração exacerbada para com mago das pranchetas?rs
        Grande abraço

  7. Bruno Vicente disse:

    Acho que pelo pouco tempo de pista é provável ele não ter analisado tanto a Force India, ano passado eles começaram o campeonato sendo a segunda força, sim, segunda força, isso foi até o Bahrein, com o início da temporada europeia eles perderam espaço e voltaram a recuperar terreno apenas no final, mas a falta de dinheiro impediu que voltassem às cabeças.
    O carro deste ano parece aerodinamicamente bom e a confiabilidade está boa. Creio que eles possam dar um passo a frente e junto da McLaren, provocar alguns “calos frios”, como diria Seu Madruga, na turma da frente (Red Bull, Ferrari e Williams). A Williams aliás parece que é a maior oportunidade de ameaçar a Mercedes, o carro é mais feinho que o do ano passado, mas eles devem tentar dar seus show como na última corrida.
    Sobre a McLaren: o carro parece bom, podem não classificar bem mas o carro é rápido, os dois pilotos vão se divertir ultrapassando muitas vezes, pena que pode ser apenas na primeira hora da corrida visto que o carro não é confiável. McLaren voltou a ter um bom carro, mas que quebra muito, algo que acontecia muito na década passada. O motor Honda aparenta ter velocidade, não é nenhum Mercedes, mas entrou disputando com a Ferrari pra ser o segundo melhor, já os franceses… A Renault, ou ela está escondendo o jogo ou o motor é quase que um atraso em comparação ao ano passado se levarmos em conta o quanto as outras evoluíram. Isso só me mostra o quão bom é o carro de Newey e o quão promissor é o projetista da Toro Rosso, ano passado pode ser que o motor tenha ajudado, mas este ano não vai ser a mesma coisa – lembra de Alonso sofrendo para passar o Stevens?

  8. Anônimo disse:

    Ignorar a McLaren deve ser um joguinho mental pra desestabilizar Alonso – o campeão dos joguinhos mentais! (Não deixa de ser o melhor por isso…)

  9. Robero disse:

    McLaren vai começar a andar daqui uns três anos…….

  10. Phillip disse:

    Fora esse tempo de 0,8s , não vi nada de anormal nessa notícia.

    Sinceramente foi o obvio , todo mundo sabe que as tres grandes vao disputar um lugar no pódio. 6 carros por uma vaga. Acredito que sera uma briga entre o Bottas , Felipe e o Vettel.

    No pelotao do meio , as posicoes 9 e 10 vao ser disputadas entre a Sauber , Lotus e a Mclaren

  11. Washington reis disse:

    Zé a Williams ta com uma aSA traseira com haste CEntral.

  12. LenneF1 disse:

    Cara, to muito ansioso pra ver essas brigas, e ver o Massa brigando lá na frente e o Nasr brigando por pontos que sei que vai conseguir!!

  13. Marcos disse:

    Raciocínio de muita qualidade, é o que sempre achei a Williams apesar da cavalaria do motor, é a quarta força (isto se a McLaren tiver problema no motor), a Williams não tem chance de vencer. Mas por causa do Massa alguns brasileiros insistem em dizer que a Williams vencerá e poderá até ser campeã, aliás já vi brasileiros dizendo que a Sauber do Nasr é uma favoritas ao título…Precisamos ter equilíbrio nas análises. E vou mais adiante se a Ferrari tivesse o Alonso com este carro de 2015 ele provavelmente não seria campeão, mas venceria umas 5 ou 6 provas (de baixa velocidade). Os atuais pilotos da Ferrari não são tão bons quanto os da Mercedes e o da RBR (Riccardo). Infelizmente o fator dinheiro vence…as 4 grandes que tem apoio de fábrica (motor) tem orçamentos muito superiores as outras equipes. Acordem a Williams só voltará a ser grande se tiver o apoio de fábrica de algum motor (de preferência alemão ou japonês).

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s