Nasr e Ericsson tem vaga na Sauber ameaçada?

GP Spanien 2013Como sabemos, o piloto Giedo van der Garde está processando na justiça australiana a Sauber reclamando que a equipe descumpriu um contrato vigente entre eles que garantiria uma das vagas para essa temporada para o holandês, que foi reserva no ano passado.

Curta a página do BLOG no FACEBOOK clicando AQUI e siga-me no Twitter: @inacioF1

O mais interessante é que ele diz não estar focado em receber uma compensação financeira como o alemão Adrian Sutil, que está processando a equipe na justiça suíça pela mesma razão, mas sim em ser reintegrado à ela para correr já na etapa abertura do campeonato essa semana, em Melbourne.

Algumas perguntas, é claro, surgem diante desse cenário: Caso ele ganhe, que proveito teria para sua carreira, visto que estrearia num carro em que nunca correu antes, nem mesmo no simulador da equipe, com o time declaradamente não o querendo por lá, o que não deve ajudar no clima e trabalhos internos? Estes são ingredientes que provavelmente colaborariam bastante para que seja derrotado constantemente pelo o seu companheiro de equipe.

Mais importante: quem teria que abrir mão da vaga para a entrada do holandês? Não sabemos dos detalhes contratuais de Marcus Ericsson e Felipe Nasr, que segundo se comenta teriam aportado inclusive valores iguais pelas vagas, mas certamente não prevem que eles saiam em um ou outro GP, o que acarretaria em um descumprimento contratual e uma pesada multa para a combalida equipe suíça, caso tenha que estabelecer um critério para essa escolha se chegarem à esse extremo.

Um tribunal de arbitragem suíço já deu ganho de causa para o piloto, que agora espera ter essa decisão confirmada na terra dos cangurus. Para a defesa do grupo comandado por Monisha Kaltenborn, haveria a tese que tiveram que romper o contrato com o holandês para não causar a demissão de seus mais de 300 funcionários, pois estavam em situação financeira delicadíssima. Além disso dizem que seria um perigo para van der Garde, os demais pilotos e mesmo para o público no autódromo ele assumir o volante de um carro que desconhece, para o qual não tem sequer banco moldado e não é coberto pelo seguro da equipe.

Realmente pode ser que ele queira de fato correr, mesmo tendo todos contra si, mas querem saber o meu palpite? Como sabe que a equipe está sem dinheiro e provavelmente o enrolaria por anos até pagar o que deve (até hoje, por exemplo, Timo Glock não recebeu sua indenização da Marussia, de onde saiu em 2012), Giedo pode mesmo é estar conseguindo uma maneira bastante contundente de garantir um pagamento lucrativo pela quebra do contrato e que ele saia todo de uma vez e rápido, na base do “ou dá ou desce”, sobretudo se levar no bolso do colete uma sentença da justiça o direito de correr imediatamente. Vamos aguardar, a definição disso deve sair já na quarta-feira.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Nasr e Ericsson tem vaga na Sauber ameaçada?

  1. Gustavo disse:

    E porque só agora o van der Garde decidiu ir atrás disso? Porque ele não agiu assim que soube que não seria um dos titulares neste ano?

  2. Paulo Batista disse:

    Eu acho que ele não decidiu ir atrás disso só agora, e sim foi só agora que ele teve em mãos a decisão favorável do tribunal suíço.

  3. Luis tores disse:

    eu acho que ele quer é jogar merda no ventilador da sauber

  4. Silvestre Zanon disse:

    Havia pensado o mesmo sobre esse lance da grana. Se ele ganha a vaga nos tribunais e sem clima nenhum pra ficar na equipe…um “cala boca” seria o ideal pra ele

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s