A situação de Kimi Raikkonen

kimi 1 Muito tem se falado nas últimas semanas sobre a situação de Kimi Raikkonen, que por uma razão ou outra não tem apresentado os resultados que se espera de um campeão de Fórmula 1 que até 2013 vencia corridas na sua ex-equipe.

Curta nossa página no FACEBOOK e siga-me no TWITTER:@inacioF1

Desde que voltou à Ferrari Kimi apanhou de seus dois companheiro de equipe, Fernando Alonso em 2014 e Sebastian Vettel esse ano, marcando sensivelmente menos pontos que eles: conseguiu apenas 34% dos pontos do espanhol ano passado e 60% dos do alemão até agora.

kimi2Para piorar sua situação, nas suas duas últimas participações ele rodou sozinho, perdendo um pódio garantido no Canadá e o tirando da corrida no assustador acidente com Fernando Alonso na Áustria. Em ambos os casos ele disse que quando acelerou seu carro ele soltou a potência de uma vez, fazendo-o perder o controle, versão não endossada pela equipe italiana que o deixou falando sozinho sobre essa teoria.

Desde então colunistas e ex-pilotos já se manifestaram abertamente pela substituição do campeão de 2007 da equipe, afirmando que ele estaria sem fôlego, custando caro e até porque está a tomar o lugar de jovens talentosos ou veteranos mais motivados que adorariam ter a chance que hoje ele desperdiça, dando início a uma série de rumores que também valorizam esses pilotos em suas negociações para a próxima temporada (Bottas, Ricciardo, Hulkenberg e até Button).

kimi 3Agora o veterano está claramente pressionado a encaixar uma série de bons resultados que prove para a Ferrari que ele ainda está motivado e concentrado o suficiente para continuar na equipe em 2016, visto que a opção de renovação do seu atual contrato expiraria no fim de agosto.

E para reforçar suas chances Vettel já saiu em sua defesa dizendo que o quer ao seu lado por razões bastante legítimas que podemos supor:

  1. Ele realmente se dá bem com o finlandês dentro e fora das pistas, o que é importante para o sucesso do trabalho em equipe;
  2. Ele acredita que Kimi pode sim reagir, pois não “desaprendeu” a ser rápido e está apenas numa fase ruim e por fim;
  3. Por fim – e isso é apenas uma teoria – porque no íntimo Vettel acreditaria que mesmo reagindo, Kimi não seria uma ameaça tão forte à sua condição de líder e piloto mais rápido da equipe,  algo que poderia mudar com chegada de algum piloto jovem e motivado para provar seu valor (que diga Ricciardo na Red Bull em 2014).

Mas o fato final é que a permanência de Kimi Raikkonen na Ferrari e assim na própria Fórmula 1 só depende dele, que por ter tratamento igualitário e um equipamento sabidamente projetado considerando também o seu estilo de pilotar tem todos os instrumentos para reagir, só precisa acertar com a cabeça. O primeiro teste de fogo já é nesse fim de semana no GP da Inglaterra.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

7 respostas para A situação de Kimi Raikkonen

  1. Phillip disse:

    Falavam tanto do Massa quando ele estava na ferrari , pega os resultados dele contra o Alonso de 2010 á 2013, foram muito melhores que os resultados do Kimi

  2. alonsista disse:

    Uma coisa ficou provada: Massa e Raikkonen sempre foram do mesmo nível.

    E os melhores pilotos são Alonso, Ricciardo (que vai ser vetado pelo Vettel na Ferrari) e Hamilton.

    • Pedro disse:

      Concordo com você, mas tem 2 pilotos muitos bons, quase do nível destes 3 citados por você que é o Nico que se somarmos os pontos de 2 temporadas e pouco de Mercedes perdeu por pouco para o Hamilton e o Button que em 3 temporadas fez mais pontos que o Hamilton (por pouco), o Button não é rápido, mas é muito técnico faz muitos pontos e está dando uma canseira no Alonso.

      • Marcell disse:

        Ricciardo não vai nunca para a Ferrari (Pelo menos até quando o Vettel estiver por lá…) Senão é vareio na certa…kkk!

  3. Luizim Marques disse:

    sempre achei que massa e kimi fossem do mesmo nivel, mesmo.

    Parabéns pela comparação

  4. Dênis disse:

    Alonso também sempre defendeu publicamente o Massa, e sempre quis que ele continuasse na equipe..Engraçado que os fãs do espanhol não levantaram essas “teorias” de que ele defendia a permanência do massa na equipe por medo de um piloto mais rápido que ele. E agora esses mesmos fãs falam que o Vettel faz isso por medo..aff

    • Marcelo disse:

      Dênis MITOU kkkkkkkkkk morri

      Massa é do mesmo nível que Raikkonen? Então porque não foi campeão em 07 ou 08? Kimi bateu Alonso e Hamilton de “virada” em 07 e foi campeão.

      Olha o Ricciardo apanhando do carro esse ano(falo dos exesso de erros ao volante), será que ele era tudo isso ou deu sorte de pegar uma temporada com vento a favor. Talento ele tem, mas venceu 3 corridas porque a Mercedes teve problemas. E não vamos julgar Vettel por causa de uma temporada, ele já tinha provado seu valor em outras temporadas. Piquet foi campeão em 87 de Williams, mas passou sufoco com a Lotus em 88. Mesma Lotus que Senna venceu corridas em 87!!! E o que dizer de Piquet em 89(oitavo na temporada), fiasco total!

      E nem tem como dizer “pelo menos Piquet não tomou pau do companheiro de equipe”, o contrato de Piquet era claro, Nakajima não podia chegar a frente do brasileiro. E outra, Nakajima nunca foi bom piloto. Vettel ainda deu “espaço” para Webber e Ricciardo trabalhar(Webber teve a chance de ser campeão em 2010). Alonso nunca deu espaço para o companheiro trabalhar…

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s