Começam os testes da Fórmula 1

Hoje começaram os testes coletivos da Fórmula 1, um período extremamente importante e particularmente curto nessa pré-temporada, já que serão apenas 2 sessões de 4 dias cada, muito pouco tempo, portanto.

Com isso em mente, o lema é aproveitar ao máximo o tempo de pista para corrigir eventuais problemas menores até o início da temporada, de forma que todas as equipes à excessão da Sauber, trouxeram seus novos carros para coletar dados. Aliás, os novos carros equipados com novos escapamentos que permitem maior emissão de barulho não chocaram os presentes nesse quesito. Segundo os presentes o som dos carros só aumentou 10 ou 12%.

Curta nossa página no FACEBOOK e siga-me no TWITTER:@inacioF1

Dos carros que vi nas fotos a nova Manor chama atenção por seu bico alongado, mais até do que os que a Ferrari e McLaren usaram ao menos em parte do ano passado. Os outros todos seguem a filosofia dos bicos curtos com aquele “dente” no meio. Os tempos de pista ainda tem pouca importância, pois não sabemos que condições de pneus estão usando, nem quanto combustível carregam nem a configuração de motor, o que pode gerar grandes diferenças no cronômetro, especialmente nos primeiros dias onde o foco é no entendimento e durabilidade dos carros.

E nesse quesito durabilidade a Mercedes continua sobrando até agora, anotando mais voltas que a concorrência. Na rabeira desse quesito estão as pequenas Haas, que teve problemas com sua asa dianteira e a Manor, seguida da reestruturada Lotus.
Mesmo a McLaren rodou um número razoável de voltas até agora com seu motor 2016 “versão 1”. No próximo teste virão com outro, a “versão 2” e na Austrália a “versão 3”, com esperadas melhorias de desempenho a cada mudança. Os testes seguem até o fim do dia na Espanha.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

10 respostas para Começam os testes da Fórmula 1

  1. oziboy disse:

    Fico triste em ver como seu blog perdeu qualidade. Antes a cada lançamento tinha o comparativo entre o modelo antigo e novo. Na pré temporada tinha noticias. Além do programa. De qq forma, sucesso.

  2. Leonardo disse:

    O blog está muito parado!

  3. Marcell disse:

    Eu acho que a Ferrari merece uma análise a parte, pois visualmente foi o carro que mais mudou em relação aos outros. Quanto a honda, essa informação de três versões de motores em um período de 40 dias eh interessante, vamos ver como será o produto final em Melbourne!

  4. Gente, o Inácio trabalha, as vezes, falta tempo! Tenho um Blog, e é complicado mesmo!

  5. Saviano Vieira disse:

    Não existe mais Lotus! Agora é Renault.

  6. Anônimo disse:

    verdade tem mais nada de lotus

  7. Pingback: Motores 2016 da Fórmula 1 perto dos 1000 cavalos | JOSEINACIO.COM

  8. Pingback: Breve análise da pré temporada 2016 – Parte 1 | JOSEINACIO.COM

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s