Lotus amarga maior prejuízo da história da F1

Segundo o jornalista Christian Sylt publicou no jornal inglês The Telegraph, a equipe Lotus F1 amargou ao fim da temporada de 2012 o maior prejuízo de sua história e também de toda a história da categoria: 85 milhões de dólares. A marca supera o até então recorde negativo da categoria que foi registrado pela BAR, que sangrou 63 milhões de dólares ao fim da temporada de 1999.

A  principal explicação para isso seria a falta de patrocinadores, lembrando que a equipe nada recebe para estampar em  seu carro as letras douradas e o logotipo da marca de carros esportivos Lotus, antiga patrocinadora que lhes deu o cano anos atrás, mas que permanece em destaque por ser “interessante para a equipe e manter esse nome forte da F1”.

Esse é o terceiro ano seguido em que a equipe fecha no vermelho, pois somados a esses 85 milhões de 2012, ainda tiveram um déficit de 31 milhões de 2011 e o rombo de 51 milhões em 2010, tudo sempre pago pela principal acionista da equipe, o fundo de investimentos Genii, que aparece em letras garrafais nas laterais dos carros, mas que por não vender produtos de massa (afinal, é um fundo de investimentos!) certamente não se beneficia tanto de tal exposição, mas apesar disso a equipe continua investindo e ao longo da última temporada contratou mais 20 empregados, totalizando 520 funcionários na equipe.

Curta a página do BLOG no FACEBOOK clicando AQUI e siga-me no Twitter: @inacioF1

Esse ano a equipe ganhou alguns reforços financeiros interessantes, como os energéticos Burn, do grupo Coca-Cola , uma não confirmada ampliação nos valores pagos pela petrolífera francesa Total e aparentemente também da Unilever, já que o nome dos desodorantes Rexona e shampoo Clear aparecem com maior destaque esse ano, mas Eric Boullier e sua turma continuam não sem um patrocinador principal, algo cada vez mais difícil na F1 atual.

Enfim, vamos ver como a Lotus fechará seu balanço de 2013, mas tenho a impressão que a permanência de do involuntariamente midiático Kimi Raikkonen na equipe poderá influenciar no futuro dela junto à possíveis novos apoiadores, mas como bem sabemos o contrato do finlandês termina esse ano e ele já dispõe de outras opções no cardápio. A ver…

Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s