Sobre a volta da Marussia e pindaíba da Force Índia

marHoje a comunidade da Fórmula 1 reunida em Jerez para o último dia de testes coletivos da semana acordou falando de duas novidades:

A primeira é que a Marussia, rebatizada de Manor, poderá retornar à Fórmula 1 após praticamente falir no final do ano passado e ter parte de seus bens leiloados, além da maioria de seus funcionários demitidos e a segunda é que a Force Índia está numa grande crise financeira e deve perder também a próxima sessão de testes coletivos da categoria daqui 2 semanas em Barcelona, só tendo sua estreia prometida para a terceira e última sessão.

Curta nossa página no FACEBOOK clicando AQUI e siga-me no Twitter: @inacioF1

Sobre a Marussia, bem, a informação que circula sem confirmação oficial é que seus atuais administradores já teriam efetuado o pagamento das taxas para esse campeonato e recebido um “OK” da FIA para correr com o carro de 2014 (mas ainda precisariam da aprovação unânime de todas as demais equipes do grid) sob o novo nome de Manor Racing, nome original da equipe antes dela se aventurar na F1 como Virgin.

FIndiaAntes de mais nada teremos que aguardar para ver se o dinheiro prometido pelos tais novos investidores para rodar essas operações e fazer as contratações de pessoal e local necessários (a antiga sede foi leiloada para a Haas, lembra?) vai chegar a tempo, o que tenho cá minhas dúvidas.

Se isso ocorrer, não tenha dúvidas: seu carro deverá ser uma draga e se arrastar pelas pistas, quem sabe até ficando abaixo da regra dos 107% nas classificações, pois os novos carros de 2015 são mais evoluídos que os do ano passado, que no caso da equipe já estava no fim do pelotão e que além de tudo deverá ser remendado para usar o novo motor Ferrari sem os necessários testes para entendê-lo direito e igualmente sem dar aos seus eventuais novos pilotos a adequada experiência prévia ao volante do carro.

No front da Force Índia, bem, essa confirmação por parte da revista inglesa Autosport da perda da próxima sessão de testes em Barcelona e a possível venda da equipe não vem com surpresa para quem acompanha o nosso BLOG, já que postei no final da semana passada um artigo falando exatamente sobre a maior profundidade dos problemas da equipe (leia AQUI). Assim, vejo sem surpresa mas com renovada tristeza essa informação do novo atraso, que certamente deverá prejudicar ainda mais a temporada de Hulkenberg e Perez para esse ano…

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Sobre a volta da Marussia e pindaíba da Force Índia

  1. Phillip disse:

    Seria mais interessante para a Marussia fundir-se com a caterham como foi cogitado á alguns anos., esse tal comprador “misterioso” não teria vantagem alguma em angariar fundos em uma equipe fracassa e nitidamente sem qualquer perspectiva de retorno financeiro. Pra mim o único intuito de ingressar em um negócio como este seria para lavar dinheiro.

    Já no caso da force india.É realmente lastimável , afinal a melhor equipe do pelotão do meio , que conta com dois pilotos extremanete arrojados ( sendo pra mim , um deles , de ponta no casso do Hulkenberg ) , passar por esses percalços financeiros e perder os treinos com certeza implicará em resultados negativos ao longo dono , acredito que até a Sauber possa passar a sua frente este ano.

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s